Filipe Rodrigues Costa

Empreendedorismo na Psicanálise

Os métodos psicanalíticos em especial para o atendimento de pacientes, geralmente,

seguem aqueles pontos que foram apresentados incialmente por Freud, e mais tardar

com acréscimos de ideais com Lacan, onde o paciente, ao chegar ao consultório, deve

desenvolver junto ao analista aquilo que foi denominado por Entrevistas Preliminares.

Às entrevistas preliminares tinham e ainda no nosso atual momento exerce uma

importância categórica para o desenvolvimento da seção terapêutica entre o paciente

e analista.

Inicialmente, as entrevistas preliminares, eram chamadas por Freud de “análise de

prova”, mais tarde com Lacan, surgiu a atual nomenclatura, que se é utilizada para

classificar tal atividade.

A importância de tal atividade está no desenvolvimento da análise, onde o analista,

neste momento também desenvolve um ponto de avaliação, para saber quais os

pontos que serão utilizados para a abordagem, preparando assim, um ponto

predisposto para a transferência, que na realização da análise, é a chave, para a cura

do paciente.

A grande questão seria sobre o desenvolvimento desta atividade, não só no

consultório, mas em todo o contexto que é desenvolvido perante a sociedade.

Alguns pontos que tem que ser levantado sobre o analista, no seu primeiro momento

como psicanalista clínico, será realizar ou não a análise as entrevistas preliminares?

Levando em consideração alguns aspectos que se têm na sociedade como exemplos:

 Aspectos de preconceito, onde se é observado em muitos comportamentos,

em que ou pela falta de informação e conhecimento sobre, muitas pessoas

associam profissionais como psicólogos, psiquiatras e psicanalistas apenas

com casos relacionados à loucura, ou algo relacionado.

 Aspectos financeiros, pois atualmente, os investimentos que um profissional

desenvolve no decorrer de sua carreira, para que esteja atualizado no mercado

de trabalho, geralmente, vem acompanhados com um custo benefício muito

alto, fazendo com que tais profissionais cobrem um valor considerado por

seção. Ponto também que se deve levar em consideração, é todo o trabalho

que tem que ser desenvolvido para manter o consultório, que pode ser um

consultório com um preço alto. E geralmente, o valor que é investido para que

os mesmos profissionais possam fazer parte de alguma associação de

psicanalistas.

 Aspectos sociais: em que se deve ter o entendimento do valor que se pode ou

não cobrar diante de uma determinada localidade, pois o valor que é passado

em um bairro de classe média alta é totalmente diferente do valor que deve ser

cobrado em um bairro mais humilde. Pois também é uma das questões que

afetam o profissional, a sua localidade inicial na sua carreira. Que por motivos

de marketing, podem ou não desenvolver ações negativas ou positivas.

Exemplo: a abertura de uma clínica em um bairro de classe média alta pode

afetar positivamente, pois por ter um padrão elevado, por questões de

localidade, o paciente pode pagar sem nenhum questionamento, mas manter

um consultório em tal bairro pode desenvolver um défice financeiro maior que

aquilo que se obtém nas seções. Ao contrário da abertura da clínica em um

bairro considerado humilde, onde o profissional pode ser subjugado, pela

localidade de seu consultório, dificultando ainda mais, o compartilhamento do

trabalho desenvolvido apresentando qualidade à sociedade.

Portanto analisando algumas questões, nos deparamos com as questões. O analista

terá o comportamento devido, para aceitar ou não aquele paciente que talvez o

mesmo tenha ou não condições de atender? Se resolver atender, pela falta de

pacientes, apenas com o intuito de resolver um problema financeiro, o atendimento

ofertado será de qualidade?

O que fazer?

Antes de tudo, para se entrar no ramo da psicanalise clinica (abrir um consultório), é

bom que o psicanalista busque conhecimentos que possam o ajudar também em ter

um bom comportamento financeiro, alguns cursos de capacitação nas áreas de

administração, economia ou empreendedorismo, nestes momentos de abertura de

consultório, fazem a diferença, a ponto de proporcionar ao profissional a segurança

daquilo que esta sendo desenvolvido.

Outra importante questão para o profissional é o link que o mesmo poderá desenvolver

com demais psicanalistas, além do compartilhamento de experiências que por si só, é

de grane importância, também tem aquela questão de indicações.

A partir do momento, que você entende que aquele paciente não ira conseguir ter um

bom desempenho em seu consultório por meio da entrevista preliminar e você o indica

para outro psicanalista, e é desenvolvido um link de suporte. Este link faz com que

você direcione pacientes para psicanalistas que possam desenvolver o trabalho com

aquele paciente, que na entrevista preliminar você tenha entendido que não

desenvolveria no seu consultório você imune o paciente de te uma experiência ruim e

desagradável com algum profissional, e mantém a sua integridade moral como

profissional perante a sociedade.

Em outro ponto, quando o “favor” for retribuído, isso desencadeara um entendimento

de cooperação mútua.

Uma questão importante de ser considerada é o bom senso do profissional, em

entender, e desenvolver tais práticas, com o objetivo de criarem seu espaço no

mercado, como um bom profissional.